PARTILHEMOS DA SANTA CEIA ATÉ QUE ELE VOLTE

16/01/2015 22:46

Jesus, na noite em que foi traído, antes de ser preso e açoitado, reuniu seus discípulos num momento de comunhão onde todos sentaram-se ao seu redor. Ele partiu o pão, dando a cada um de seus discípulos um pedaço e dizendo: “Tomem e comam. Isto é o meu corpo, que é entregue por vocês. Façam isso para se lembrarem de mim” ( 1 Co 11:24). Depois, Ele tomou o cálice de vinho e partilhou entre seus discípulos dizendo: “Bebam. Este cálice é o sangue da nova aliança. Façam isso em memória de mim. Porque toda vez que comerem este pão e beberem esse cálice, estão anunciando a mensagem da morte do Senhor, morte que Ele sofreu por vocês. Façam isso até que Ele venha” (1 Co 11:25,26). E o ensinamento sobre a Santa Ceia foi algo tão profundo que a igreja do Senhor, desde que Jesus ressuscitou e subiu aos céus, passou a praticá-la periodicamente com esperança e alegria.

A Santa Ceia é o momento onde a igreja, a noiva de Cristo, partilha o pão e o vinho (suco da uva) da mesma forma como os discípulos aprenderam com Jesus no passado. Através dela recebemos do Senhor a oportunidade de participarmos do corpo e do sangue de Cristo e de reafirmarmos nossa aliança de fé e amor por Aquele que deu sua vida por nós.

Alguns se perguntam: quem pode tomar a Santa Ceia? A Bíblia não faz objeções sobre quem pode ou não tomar a Santa Ceia, mas ela nos ensina que há consequências para todos os que tomam.

O apóstolo Paulo, na primeira carta que escreveu aos coríntios, diz que muitos sofrem porque tomam o corpo e o sangue de Cristo indignamente, não reconhecendo que trata-se do corpo do Senhor. Aqui aprendemos que é essencial que aquele que participa da Santa Ceia creia em Jesus e compreenda que não é um simples ato de comer um pedaço de pão ou tomar um pouco de vinho. Mas é o momento em que todos, em comunhão, afirmam sua fé em Jesus, lembrando do que o Senhor fez por nós e renovando a esperança de que um dia Ele irá voltar.

Outro aspecto que Paulo ensina nesta mesma carta é que cabe a pessoa que toma a Santa Ceia examinar-se cuidadosamente a si mesma, discernindo se é digna ou não de tomar do corpo e do sangue de Cristo. Pois, uma vez que ela tem fé em Jesus e O reconhece como seu Senhor e Salvador, precisa ser fiel aos princípios de Deus. O Senhor nos ensina que devemos amar aos irmãos e não viver em contendas, ou com o coração de cheio de ódio e rancor. Também nos ensina que devemos buscar viver em santidade, e não como os que não conhecem a verdade da Salvação, que entregam-se sem culpa para satisfazer os desejos desenfreados da carne. Assim, Paulo nos ensina que devemos nos examinar verificando se por qualquer razão não estamos praticando o que não deveríamos, ou agindo da forma como não deveríamos, e só então, depois dessa auto análise é que, nós mesmos, nos julgamos dignos ou não te tomar a Santa Ceia do Senhor.

Há outros ensinamentos acerca da Santa Ceia que não temos o espaço necessário aqui para discutir sobre tudo. Leia a Bíblia e descubra mais sobre este momento tão especial.

Deus te abençoe!

Bispa Viviane Morelli

 


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!